08 Apr 2021
James Wadsworth
VP of Sales

HDT | Ralph

A integração, a primeira desse tipo, ajuda os operadores portuários a capturar automaticamente 100% da receita e dos serviços de rebocagem no porto.

Victoria, BC – A desenvolvedora líder de software de operações marítimas, Helm Operations e o provedor de serviços AIS, ShipTracks, lançaram um novo conjunto de recursos integrados para empresas de apoio portuário criado  para garantir que as empresas “nunca mais percam outro serviço” em seus portos.

A nova integração conecta o Helm CONNECT Jobs, o software de operações mais usado no mercado de apoio portuário, e a tecnologia AIS da ShipTracks para agilizar e automatizar a criação de ordens de serviço de rebocagem diretamente do sistema AIS. O resultado é uma maior conscientização operacional, cargas de trabalho reduzidas para os planejadores das manobras e aumento da receita conforme os operadores identificam e capturam serviços que anteriormente eram perdidos para seus concorrentes.

As operações de apoio portuário modernas usam uma variedade de ferramentas para monitorar seus portos e garantir a eficiência operacional, incluindo sistemas AIS para rastrear a velocidade e os movimentos da embarcação e sistemas de operação de rebocadores e faturamento, como o Helm CONNECT Jobs, para agendar e gerenciar o reboque. Até agora, esses sistemas operavam em grande parte de forma isolada, mas ao integrar os sistemas, os operadores agora podem não só receber notificações automatizadas de navios que entram no porto, mas também ver imediatamente se sua empresa tem um contrato com o navio, se o serviço de reboque foi agendado e até mesmo importar automaticamente a embarcação e os trabalhos relacionados para a agendamento do serviço, tudo a partir da tela AIS.

“Quando tradicionalmente olhamos para o AIS, nosso foco é em conhecer a situação”, disse Charles Riley, CEO da ShipTracks. “Mas, com essa integração com o Helm CONNECT, agora podemos oferecer aos clientes um verdadeiro “conhecimento da receita” e ajudá-los não apenas a planejar operações seguras, mas também rastrear e automatizar todos os serviços e potenciais fontes de receita no porto para ajudá-los a maximizar os redimentos e a participação de mercado.”

“Notificar as empresas quando um navio entra em sua região, mostrar a quem pertence o serviço e qual é o seu status e, permitir que eles insiram ordens diretamente no Helm CONNECT a partir da tela do ShipTracks, com isso podemos fazer com que nunca percam um serviço novamente.”

Além de apenas identificar novas e potenciais receitas, a integração também fornece às operadoras novas ferramentas para aumentar a eficiência e reduzir custos. “Comercialmente falando, muitas empresas ainda têm funcionários que observam às telas do AIS ao longo do dia para identificar quando novos navios estão chegando ao porto. Com essa integração, podemos automatizar isso”, afirma Paul Cyr, gerente sênior de contas e integração da Helm Operations e um veterano de 20 anos no setor.

“E operacionalmente, podemos preencher automaticamente os serviços para os navios entrantes para revisão e aprovação do planejador, reduzindo o erro humano e economizando horas de inserção manual de dados. Melhor ainda, podemos melhorar a conhecimento de custo do planejador, mostrando se os rebocadores estão se movendo sem serviço atribuído ou se os navios estão indo muito rápido durante a mobilização. Isso realmente possibilita que os planejadores reduzam os custos operacionais no porto”, afirma o Sr. Cyr.

Os resultados são grande aumento da eficiência e, embora a integração seja nova no mercado, as operadoras já estão satisfeitas com os resultados. John Buchanan, presidente da Harbor Docking and Towing, foi um dos primeiros usuários do sistema. “Essa integração nos permitiu automatizar nossos processos e melhorar a qualidade dos dados”, diz o Sr. Buchanan. “Com o ShipTracks, nossos planejadores podem criar uma ordem apenas pegando o navio e arrastando-o para o slot da ordem, preenchendo o formulário com os dados do navio fornecidos pelo ShipTracks. O que costumava levar 5 ou 10 minutos agora leva apenas 30 segundos e sabemos que as informações que eles estão usando são precisas. Com as margens ficando mais estreitas na indústria de rebocadores, há menos espaço para erros, então eu com certeza recomende esta integração; você obterá mais eficiência em suas operações com ela.”

Os partners dizem que este é apenas o ponto de partida para a integração e estão explorando maneiras de integrar, ainda mais, o Helm CONNECT com a tecnologia AIS da ShipTracks para melhorar as operações das embarcações. “Na Helm, percebemos que, por meio da parceria com outros inovadores e líderes de mercado, como a ShipTracks para AIS, tornamos as operações mais simples, rápidas e eficientes para nossos usuários”, afirma Nolan Barclay, CEO da Helm Operations. “Trabalhando com a ShipTracks, queremos disponibilizar ainda mais dados para os operadores em sua tela AIS, incluindo eventos operacionais como mudanças de tripulação ou manutenção planejada, que afetam a capacidade da embarcação. Além de apenas apoio portuário, queremos dar aos operadores de todos os tipos a capacidade de aproveitar esse tipo de dados em seu planejamento para aumentar a eficiência de suas operações e planejamos anunciar mais esforços como este ao longo do ano.”

 

 

Sobre a Helm Operations

A Helm Operations está por trás do desenvolvimento da plataforma de operações marítimas de mais rápido crescimento no mundo, o Helm CONNECT, que fornece planejamento de serviços e faturamento de embarcações, manutenção, conformidade e gestão de pessoal para cerca de 250 empresas e mais de 4.500 embarcações em todo o mundo.

www.helmoperations.com

 

 

Sobre a ShipTracks

A ShipTracks, com sede em Nova Orleans, ajuda a indústria marítima a tomar melhores decisões com informações de posição da embarcação em tempo real por meio do mapeamento AIS. Hoje, a empresa trabalha com 7 das 10 principais empresas de reboque fluvial nos Estados Unidos, incluindo Foss e Enterprise, bem como grandes empresas de petróleo e empresas de transporte marítimo, como a Mediterranean Shipping Company.

www.shiptracks.com